CIEE e Fundação Roberto Marinho lançam parceria para formação de aprendizes

13 de outubro de 2010
Por

O Centro de Integração Empresa Escola (CIEE) e a Fundação Roberto Marinho lançam nesta terça-feira, 24 de abril, uma parceria para a implementação do Aprendiz Legal.

Com a presença do ministro do Trabalho e Emprego, Carlos Lupi, o evento reunirá empresários, executivos de RH e outros interessados e contará com uma mesa-redonda sobre a Lei de Aprendizagem, mediada pelo apresentador Serginho Groisman.

A Fundação Roberto Marinho dará suporte pedagógico ao programa Aprendiz Legal, que será implantado no CIEE. O centro ficará responsável pelo recrutamento, seleção e capacitação teórica dos aprendizes.

Nesta primeira fase, o programa será aplicado nos estados de São Paulo, Rio de Janeiro e Bahia, com previsão de alcançar, gradativamente, todo o país.

O Aprendiz Legal promove a formação de jovens para o mercado de trabalho, cumprindo assim a Lei 10.097, de 2000, conhecida como a Lei de Aprendizagem. Essa Lei obriga empresas de médio a grande porte a contratar jovens de 14 a 24 anos, na condição de aprendiz, cumprindo cotas que variam de 5% a 15% do número de funcionários cujas funções demandem formação profissional. Além disso, determina que os jovens recebam aulas de capacitação teórica formatadas de acordo com as respectivas áreas de atuação.

Originalmente publicado em 20/04/2007
Autor: Gláucia Cavalcante

Compartilhe e Socialize:
  • Print
  • Facebook
  • Twitter
  • Google Bookmarks
  • email
  • Orkut

Tags:

Deixe um comentário

Os comentários estão desativados.